quarta-feira, 14 de dezembro de 2011

Meu pedido especial de NATAL

Está chegando o Natal, uma época em que as pessoas querem amenizar seus problemas, deixar desavenças de lado, e buscar a paz junto com sua família. Comemorar a harmonia e a alegria de ter uma família unida. Porém, não é bem o que acontece com todas as famílias do planeta. Bem que poderia ser assim!
Mas, nós temos também que agradecer a Deus, a Natureza e forças etéreas, todos os dias por todas as lutas e as dificuldades cotidianas que encontramos a fim de ter uma vida honesta e mais tranqüila junto das pessoas que convivem conosco. Não tenho as pessoas que amo junto de mim, por que cada uma está seguindo sua vida, e... se, elas estão bem...eu fico satisfeita. O mais importante de tudo é que estou com as pessoas mais importantes de minha vida: meus 3 filhos, e o pai deles(que apesar dos problemas conjugais corriqueiros), nunca nos desamparou.
Se eu pudesse fazer um pedido especial nesse momento, para Deus, para papai Noel, ou qualquer força do bem... eu pediria a companhia de minha mãe, um abraço forte, seu carinho e seu colo...eu choraria de felicidade e o diria o quanto eu a amo. Hoje tenho 35 anos, e só tive a oportunidade de vê-la duas vezes, pois ela mora em Querência do Norte- Paraná, eu aqui do outro lado: no Nordeste. A última vez que eu consegui falar com ela foi por telefone no dia das mães. Já era noite, sua voz estava roca, pela emoção, e seu esforço era tremendo para não chorar... desde lá fiquei sem contato e estou acabando de fazer uma carta, para quem sabe ela me responda. Preciso apenas, saber se ela está bem... porque ao destino lanço meus pedidos de um dia encontrá-la novamente. Quero sentir o aconchego e a segurança, que só foi possível ter quando eu ainda estava em seu ventre.
Mas, deixemos de lado a tristeza... seguir a vida é preciso!

Como boneca de louça

Olho todos a minha volta nada sabem do meu ser e o que mais me revolta é que fingem não me ver. Busco falar com as portas com as jan...